sexta-feira, 16 de outubro de 2015

Aeroportos japoneses anunciam nova tecnologia de segurança

airport-scanner-japanUm scanner de corpo inteiro começou a ser utilizado na quinta-feira (15), no Aeroporto Internacional de Kansai. De acordo com o governo japonês, a tecnologia permanecerá em operação, em fase de testes, por doze dias.

Existem ainda planos para testar quatro novos tipos de scanner nos aeroportos de Haneda e Narita, até dezembro.

Através de uma pequena quantidade de ondas de rádio, os novos aparelhos podem identificar armas e explosivos que os antigos detectores de metal não conseguiam acusar. São necessários apenas três segundos para completar a análise corporal de uma pessoa. Esse tempo inclui o trajeto do passageiro até o detector e os segundos que ele leva, parado, com os braços estendidos para cima.

Oficiais dizem que os novos scanners conseguem detectar armas não metálicas, como facas de cerâmica e explosivos plásticos e químicos.

Não é a primeira vez que o Japão tenta implementar novos scanners. Em 2010, durante o período de testes, houve reclamações de invasão de privacidade, uma vez que partes do corpo ficavam à mostra. Com os novos aparelhos, porém, os corpos dos passageiros não ficarão visíveis.

O governo pretende instalar os scanners em todos os aeroportos japoneses até 2020.
Fonte: IPC Digital